9 de out de 2011



A noite chega vestida de estrelas, um friozinho invade a casa, e a saudade se anuncia, ela estava aqui desde cedo, mas a noite a evidencia. Sinto falta do teu abraço formando aquele nosso laço apertado; de caber ali em seu peito e absorver o seu cheiro. E não demora muito a uma mensagem sua chegar, sorrio com o celular nas mãos, leio duas ou três vezes as suas palavras doces, fico com aquela expressão boba grudada no rosto, não sei mais como disfarçá-la, e nem preciso, o que preciso mesmo é de você, só isso, sempre isso. 


(http://maiaraentrelinhas.blogspot.com/)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bem-vindos ao Primeiros Erros!
Atenção: nem todos os textos, imagens e demais conteúdos do blog são de minha autoria. Para maiores informações, críticas ou sugestões, entre em contato através de comentários.


Solte o verbo! Comente!