29 de fev de 2012


“Que corajosos somos nós que, apesar de um medo tão justificado, amamos outra vez e todas as vezes que o amor nos chama, fingindo um pouco de resistência mas sabendo que para sempre é impossível recusá-lo…”
(Martha Medeiros)


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bem-vindos ao Primeiros Erros!
Atenção: nem todos os textos, imagens e demais conteúdos do blog são de minha autoria. Para maiores informações, críticas ou sugestões, entre em contato através de comentários.


Solte o verbo! Comente!