27 de fev de 2012

Teenage Dream

 
As luzes se apagam e a certeza de que será mais uma noite de insônia, chega. Ao deitar em meu leito, lembranças longínquas abordam-me, roubando meu sono. Pensamentos ternos tomam contam de minha mente, obrigando-me a refletir sobre todas as afirmações ditas. Cada palavra oca, ilusiva, proferidas na ânsia de acertar, entalha-se no interior obscuro de minha alma. A chuva bate na janela, com sua melodia elegantemente doce. E amanhã será um novo dia, de uma decadente solidão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Bem-vindos ao Primeiros Erros!
Atenção: nem todos os textos, imagens e demais conteúdos do blog são de minha autoria. Para maiores informações, críticas ou sugestões, entre em contato através de comentários.


Solte o verbo! Comente!