24 de jul de 2012

Teenage Dream


O amor é uma chuva de verão.
Há aqueles que consideram fria, aqueles que julgam sossegada e também outros que acreditam que ela vem como um brisa num dia ensolarado.
Ah, o amor... traz o alivio imediato ou o silêncio permanente e assim como a chuva, é passageiro, efêmero.
Às vezes é calmo como uma garoa ou tempestuoso como um temporal; Acalma o coração e causa um turbilhão na mente.
Quando chuvisco, é calmo, tranquilo e cômodo. Essas são os amores talvez não duradouros, mas que certamente trazem paz à alma e harmonia à rotina.
Já o vendaval é profano, detentor de uma capacidade inigualável de concretizar os desejos mais ocultos e esotéricos. É aquele amor que mais do que arrancar suspiros, furta todo o seu oxigênio e enxurra suas veias de adrenalina. É uma intempérie, uma dança desenfreada sob um furação. O amor é o pacto de eterno indelével de um segundo.

6 comentários:

  1. Eu adoro esses texto de amor,já estou seguindo seu blog ele é fofinho,beijão..

    www.dondokafashion1.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Ah, que lindo ♥ Awn flor, obrigada por todo o carinho, pela indicação do selinho(é, infelizmente não aceito, porque são muitos e às vezes não da para postar :/, desculpe), seu cantinho também é lindo, virei sua fã. Parabéns e sucesso para você.
    Smach:3 | http://www.viciadasemcupcake.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Ahh que texto lindo!! Adorei!
    Flor, tem selinho pra vc no meu blog --> http://garotapetulante.blogspot.com.br/2012/07/o-segundo-selinho-do-blog.html#more

    Beeijos!!

    ResponderExcluir

Bem-vindos ao Primeiros Erros!
Atenção: nem todos os textos, imagens e demais conteúdos do blog são de minha autoria. Para maiores informações, críticas ou sugestões, entre em contato através de comentários.


Solte o verbo! Comente!